Secult lança edital para oficineiros

Com o objetivo de fomentar e descentralizar o acesso à cultura e à produção de bens culturais, a Secretaria da Cultura (Secult) abriu nesta quarta-feira (9/11), inscrições para o edital Oficineiros, com investimento total estimado de R$ 300 mil em recursos próprios. O credenciamento visa a formação de um banco de profissionais com experiência técnica na área cultural, a fim de ofertar serviços de capacitação em atividades culturais como instrutores, ministrando oficinas em diversas modalidades culturais, em diferentes localidades e bairros de Camaçari.

As inscrições iniciam nesta quarta e permanecem abertas durante toda a vigência do edital, que é de 12 meses. Serão publicadas de forma periódica as listas dos credenciados, mediante apresentação da documentação em datas que serão estipuladas e divulgadas. Para a primeira lista de credenciados, a ser divulgada no dia 7/12, os interessados devem realizar a comprovação documental até o dia 23 de novembro.

O processo de inscrição pode ser realizado de forma presencial ou on-line. Pessoalmente, o procedimento deve ser feito nos Núcleos de Orientação Cultural (NOC) Cidade do Saber e Arembepe, ou no Centro Cultural Vila de Abrantes, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. Já on-line, é feita a pré-inscrição através do portal da Secult, devendo ser efetivada com a apresentação da documentação original em um dos três pontos de atendimento.

Podem participar pessoas físicas e jurídicas em 13 diferentes modalidades: oficinas ambientais; de dança; moda e estilo; artes visuais; patrimônio cultural; artesanato e artes manuais; técnicas de espetáculo; música; literatura; audiovisual; tecnologia; línguas; e teatro. Cada segmento está dividido em submodalidades (abaixo descritas).

Os profissionais permanecerão credenciados pelo prazo de 12 meses, contados a partir da publicação do resultado final das listas de credenciamento no Diário Oficial do Município (DOM), podendo este período ser prorrogado por igual período, durante o qual os selecionados poderão ser convocados a firmar contrato junto à administração, de acordo com a necessidade da Secult.

Cada oficineiro receberá de acordo com sua formação, sendo que para os profissionais da categoria de experiência prática, terá valor da hora/aula de R$ 40; para nível superior com bacharelado/licenciatura na área proposta, de R$ 60; e para profissional com pós-graduação, o valor a ser pago pela hora/aula é de R$ 80.

A Cidade do Saber fica localizada à Rua do Telégrafo, s/n.º, Centro. O NOC Arembepe situa-se no Centro de Atendimento ao Munícipe (CAM) da localidade, no Centro Empresarial em frente ao Posto de Informações Turísticas Nidinho, sala 1, térreo. Já o Centro Cultural Vila de Abrantes, fica na Rua da Matriz, s/n.º. Mais informações podem ser obtidas no edital, através do e-mail: contatoceasc@gmail.com, ou do telefone (71) 3644-9836.

Submodalidades:

Oficinas ambientais: terrários; vasos e mudas; mini-horta; colares de sementes; batatas cabeludas; carteiras; ecotur sustentável; reciclagem de papel; teatro meio ambiente; outros.

Oficinas de dança: contemporânea; do ventre; de rua; para crianças; moderna; de salão; populares; afro-brasileira; balé clássico; sapateado; hip hop; jazz; outros.

Oficinas de moda e estilo: trança afro; design de sobrancelhas; maquiagem; corte e costura; manicure; outros.

Oficinas de artes visuais: pintura em tela; mosaico; escultura; grafite; desenho; fotografia; outros.

Oficinas de patrimônio cultural: empreendedorismo cultural; cultura afro; cultura indígena; manifestações populares; culinária; capoeira; outros.

Oficinas de artesanato e artes manuais: tricô; bordado; crochê; bijuteria artesanal; olaria; bonecas artesanais; mandalas; pintura em barro; bordado; customização; patchwork; customização de sandálias; reciclagem para bijuterias; origami; pintura em tecido; laços e tiaras; flores; outros.

Oficinas de técnicas do espetáculo: maquiagem cênica; figurino para teatro; cenografia para teatro; sonoplastia e operação de som; iluminação cênica e operação de luz; técnicas circenses; outros.

Oficinas de música: musicoterapia; canto coral; iniciação musical – flauta doce novas; linguagens e reciclagem de instrumentos; canto; outros.

Oficinas de literatura: poesia e criação poética; criação literária; contação de história; história em quadrinhos; literatura de cordel; outros.

Oficinas de audiovisual: rádio e TV; de vídeo; softwares e aplicativos para edição de filmes; técnicas de jornalismo; filmes de animação; apresentação para TV e mídias sociais; radiodifusão e novas mídias; roteiro/direção de audiovisuais; outros.

Oficinas de tecnologia: robótica; lego; automação residencial; sketchup; robô seguidor de linha; sumô 3kg; robótica educacional; Internet das coisas (IOT); robótica; introdução à robótica (robô explorador); Arduino; realidade aumentada; modelagem 3D; impressão 3D; eletrônica; xadrez; instalações elétricas prediais (IEP); outros.

Oficinas de línguas: espanhol; inglês; francês; Libras; outros.

Oficinas de teatro: interpretação teatral; preparação vocal; direção teatral; outros.

Edital: http://secult.camacari.ba.gov.br/?page_id=4600

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.