Centenário da Semana da Arte Moderna é tema das ações da Secult em 2022

Em 2022, a Secretaria da Cultura (Secult) propõe como tema norteador de todas as ações da pasta o centenário da Semana de Arte Moderna, tendo como subtema “A arte que cura e transforma”.
Em 1922, enquanto o mundo assistia o fim de uma grande guerra e se recuperava de uma pandemia – da gripe espanhola, nasceu em terras brasileiras a Semana de Arte Moderna, um dos mais importantes eventos artísticos que ocorreram no país, revolucionando as artes em praticamente todas as suas vertentes e tornando-se um marco do Modernismo no Brasil.
Também chamada Semana de 1922, a manifestação artístico-cultural aconteceu entre os dias 13 e 18 de fevereiro, no Teatro Municipal de São Paulo, representando uma verdadeira renovação de linguagem, na busca de experimentação, na liberdade criadora da ruptura com o passado e até corporal, pois a arte passou então da vanguarda para o modernismo.
O evento marcou época ao apresentar novas ideias e conceitos artísticos, como a poesia através da declamação, que antes era só escrita; a música por meio de concertos, que antes só havia cantores sem acompanhamento de orquestras sinfônicas; e a arte plástica exibida em telas, esculturas e maquetes de arquitetura, com desenhos arrojados e modernos.
Entre as iniciativas da Secult, a temática será trabalhada durante o ano pelos educadores e alunos dos equipamentos geridos pela secretaria, além de serem apresentados, através dos nossos canais de comunicação e com o uso de diferentes linguagens, curiosidades e detalhes histórico-culturais.




Você sabe como a Semana de Arte Moderna influencia nossa cultura até os dias atuais? A secretária da Cultura, Márcia Tude, fala da relevância desse movimento e o porquê dele ser escolhido como tema norteador das ações da Secult em 2022



A arte que cura e transforma!” será trabalhado durante todo o ano em nossos equipamentos culturais e canais de comunicação. É o que explica o subsecretário da Cultura e presidente do Conselho Municipal de Cultura, Luciel Neto.

A Semana da Arte Moderna contou com a participação de diversos artistas, de diferentes segmentos. Hoje, vamos conhecer um pouco mais sobre os principais artistas plásticos que estiveram presentes ou expuseram obras na Semana de 1922. Acompanhe nossas redes que, logo mais, vamos falar sobre eles!

Hoje é o dia de conhecermos um pouco mais sobre os principais artistas da música que participaram, direta e indiretamente, da Semana da Arte Moderna. Acompanhe nossas redes que, logo mais, vamos falar sobre eles!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *